Vinhas: 118 hectares, dos quais 30 são destinados a jovens agricultores na Umbria

Quem sou
Elia Tabuenca García
@eliatabuencagarcia
Autor e referências

A atribuição das vinhas da Reserva Regional da Úmbria está em andamento. Na sequência do concurso regional, foram atribuídos 38 hectares de vinha a jovens agricultores e 80 hectares a outros produtores, num total de 118 hectares.

Ele está prestes a acabar atropelado, sua mãe o salva





oatribuição de vinhedos da Reserva Regional de Umbria. Na sequência do concurso regional, foram atribuídos 38 hectares de vinhas para jovens agricultores e 80 hectares para outros produtores, totalizando 118 hectares.

A atribuição é descrita como conveniente, uma vez que preços abaixo do mercado. Isto foi sublinhado pela Conselheira da Agricultura da Região da Úmbria, Fernanda Cecchini, que se congratulou com a resposta dos jovens produtores com menos de 40 anos, aos quais foi atribuído um terço dos direitos de plantação das vinhas.

Este apelo permitiu que as explorações agrícolas e os jovens tomassem medidas para iniciar novos projetos agrícolas apesar da crise. O concurso será utilizado pela Umbria para manter o actual nível de área regional plantada com vinha.

Na Úmbria encontramos vinhas em 13 mil hectares de terras agrícolas, que permitem a produção de vinhos DOP e IGP. A produção de vinho qualificado permitirá à Umbria evitar quaisquer efeitos negativos da novo regulamento da União Europeia, que entrará em vigor a partir do próximo ano com a transição de um sistema baseado em direitos de plantação/explantação para o sistema de autorizações para plantações de vinha.

"Com a chamada regional" - O Conselheiro Cecchini explicou - “tentamos, portanto, evitar a possível redução do potencial de produção vitivinícola regional e queríamos satisfazer os pedidos de direitos de replantação dos produtores regionais para adequar a produção às exigências do mercado”.

Além disso, os produtores beneficiários da cessão poderão apresentar um pedido de concessão do auxílio previsto da extensão da reestruturação e reconversão de vinhas, com absoluta prioridade no eventual ranking regional.

finalmente, restam aproximadamente 170 hectares a serem alocados de direitos de plantio da reserva regional. Isso acontecerá através um novo edital a ser publicado nos próximos meses. Por isso, os interessados ​​ficam atentos aos novos apelos que o Região de Umbria publicará em breve.



Marta Albè

Veja também:

Drones agrícolas: a agricultura do futuro que emprega jovens
Fazendas jovens e inovadoras: o identikit
Terras para jovens: 5 terrenos atribuídos pela Região do Lácio

Adicione um comentário do Vinhas: 118 hectares, dos quais 30 são destinados a jovens agricultores na Umbria
Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.